quarta-feira, 4 de maio de 2016

Ocapi - Um mamífero ainda pouco conhecido e já em vias de extinção


Ocapi

 

O ocapi (Okapia johnstoni) ou girafa da floresta é uma das duas espécies remanescentes da família Giraffidae, sendo a outra a girafa. É nativo das florestas úmidas do nordeste da República Democrática do Congo, e era conhecido somente pelos habitantes locais até 1901. Esta obscuridade levou a Sociedade de Criptozoologia a adotá-lo como seu emblema.


Os ocapis têm corpo escuro, com riscas brancas bem visíveis nas patas e coxas. Essas listras são para que eles não sejam enxergados por leões enquanto correm, pois estes enxergam em preto e branco. A forma do corpo é semelhante à da girafa, embora o pescoço dos ocapis seja muito mais curto. Ambas as espécies possuem línguas muito longas (aproximadamente 30 centímetros de comprimento), azul arroxeadas e flexíveis, que usam para retirar folhas e rebentos das árvores. A língua do ocapi é tão longa que lhe permite lavar as pálpebras e limpar as orelhas com ela; juntamente com a girafa, são os poucos mamíferos que conseguem lamber as próprias orelhas. Os ocapis machos possuem pequenos chifres cobertos de pele.

Os ocapis têm um comprimento de 2 a 2,5 metros, e uma altura de 1.5 a 2 metros nas espátulas. O seu peso varia entre 200 e 250 quilos.
Além de folhas e rebentos, os ocapis comem relva, samambaias, frutas, e fungos.
São animais essencialmente diurnos e solitários, juntando-se apenas para acasalar. Dão à luz apenas uma cria de cada vez, que pesa cerca de 16 kg, após um período de gestação de 421 a 457 dias. As crias são amamentadas por até dez meses, atingindo a maturidade entre 4 e 5 anos de idade.
Os ocapis são ameaçados pela destruição do seu habitat e pela caça furtiva. O trabalho de proteção no Congo inclui a continuação do estudo do comportamento do ocapi, e levou à criação em 1992 da Reserva de fauna dos ocapis. A Guerra Civil do Congo ameaçou tanto a vida selvagem como os trabalhadores da reserva.

Resultado de imagem para ocapiSeu nome deriva do som que produz. O epíteto da espécie (johnstoni) é uma forma de reconhecimento do explorador britânico Sir Harry Johnston, que organizou a expedição à Floresta de Ituri que pela primeira vez capturou um ocapi para fins científicos. Primeiramente foi classificado como uma espécie de equídeo selvagem, recebendo o nome de Equus johnstoni.


A Fêmea tem, de cada vez e após uma gestação de uns 14 meses, um filhote que nasce entre agosto e outubro, na estação das chuvas, quando a floresta é rica de vegetação tenra.. Medindo 80 cm no garrote, o filhote pesa em torno de 15 kg e começa a mamar entre 6 e 12 horas após o seu nascimento.

A descoberta do ocapi deu-se no início do século XX, mas ele continua sendo um dos animais menos conhecidos pelos zoológicos e caçadores. Foi graças a um inglês. Sir Harry Johnston, e às boas relações que ele mantinha com os pigmeus, que se veio a conhecer o ocapi em 1900.

O ocapi é mais familiar aos pigmeus e outros nativos, que o capturam nas densas florestas da bacia do Congo. Esse animal herbívoro e de hábitos noturnos vive na impenetrável floresta de Uele e Itúri. É uma estranha criatura. Sua cabeça e sua pelagem aveludada parecem ter sido tomadas de empréstimo à girafa. Tem a garganta branca e as ancas listradas de branco, assim como as pernas dianteiras. Como a girafa o macho possui dois pequenos chifres cobertos de pele, entre as orelhas.

O ocapi é tão esquivo e assustado que somente em 1913 dois zoólogos norte-americanos conseguiram capturar um. Hoje existem em diversos zoológicos No cativeiro os ocapis gostam de legumes e costumam se afeiçoar aos seus tratadores. São animais selvagens que tem sido extensivamente caçado .
 Em novembro de 2013, a IUCN (International Union for Conservation of Nature) publica em seu site (Lista Vermelha da IUCN) que o ocapi entrou na lista de espécies ameaçadas.

Ficha do ocapi

ocapi_luciaNOME COMUM: ocapi
NOME EM INGLÊS: Okapi
NOME CIENTÍFICO: Okapia johnstoni
FILO: chordata
CLASSE: Mammalia
ORDEM: Artiodactyla
FAMÍLIA: Giraffidae
HABITAT – Só são achados Okapis nas florestas tropicais de Zaire nordeste. Eles preferem altitudes entre 500 e 1,000 m. Na vasta floresta africana, o ocapi vive em contato com os elefantes, o bongo e os cefalofos.
INIMIGOS: Seus inimigos principais são os homens e, pelo menos para os filhotes, a pantera.
ALIMENTAÇÃO: Herbívoros
TAMANHO:
COMPRIMENTO: 2,20 m
ocapi2Altura da cernelha: 1,50 m
Comprimento da cauda: 40 cm
Peso: 200 a 300 kg

Fontes da pesquisa:
Wikipédia
www.saudeanimal.com.br

Nenhum comentário: