quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

ARACNOFOBIA - MEDO DESMEDIDO DE ARANHAS

ARACNOFOBIA - MEDO, PAVOR, HORROR, PÂNICO, FOBIA DE ARANHA ! 

Aracnofobia é o medo (ou fobia) de aracnídeos e cobras. É possivelmente a fobia de animais mais extensa. As reações dos aracnofóbicos parecem frequentemente bem irracional às pessoas, e mesmo ao próprio afetado. Tentam permanecer longe de todo o local onde pensam que habitam aranhas, ou onde observaram aracnídeos.
Aracnofobia

A aracnofobia é, possivelmente, a fobia de animais mais extensa. Ela caracteriza-se pelo medo extremado de aracnídeos e cobras. 

As reações dos aracnofóbicos parecem frequentemente bem irracional às pessoas, e mesmo ao próprio afetado. Tentam permanecer longe de todo o local onde pensam que habitam aranhas, ou onde observaram aracnídeos. Se virem uma aranha perto de algum lugar onde vão entrar, evitam entrar nesse lugar, mesmo que a distância entre o local e onde está a aranha seja grande, ou ao menos terão antes que fazer um esforço para controlar seu medo, que pode ser caracterizado na respiração rápida, por taquicardia e por náuseas.

O medo às aranhas pode determinar o lugar onde o fóbico decide viver, ou o local a que irá nas férias, e limitar os esportes ou passatempos que deseja apreciar. Como a maioria das fobias, o aracnofóbico pode ser curado com tratamento psicológico. A forma habitual é usar os métodos que expõem gradualmente o fóbico ao animal que lhe dá medo, mas também existe um sistema de choques em que a exposição é de grande intensidade, e se realiza subitamente com um medo continuo.
O medo às aranhas 

O medo às aranhas pode determinar o lugar onde o fóbico decide viver, ou o local a que irá nas férias, e limitar os esportes ou passatempos que deseja apreciar. Como a maioria das fobias, o aracnofóbico pode ser curado com tratamento psicológico. A forma habitual é usar os métodos que expõem gradualmente o fóbico ao animal que lhe dá medo, mas também existe um sistema de choques em que a exposição é de grande intensidade, e se realiza subitamente com um medo continuo.

Origem do Medo
Como um animal tão pequeno pode despertar um medo tão grande? Esse é um mistério ainda para muitos psicólogos. Porém, existem hipóteses satisfatórias. Existe o lado biológico, em que o medo das aranhas seria uma vantagem evolutiva para a sobrevivência e, consequentemente, a perpetuação da espécie.

Isbister ainda diz que o motivo para a fobia pode se encontrar em raízes históricas, como a história do Tarantismo, doença surgida na cidade de Taranto (Itália) que teria ameaçado a Europa entre os séculos XV e XVII. Como explica Aline Gatto Boueri:
ARANHAS
Mas ao que tudo indica a explicação é cultural. O medo existe sobretudo na mente ocidental. O pesquisador Geoffrey Isbister afirma sobre o assunto: "muitas culturas reverenciam aranhas ou veem-nas como símbolos de boa sorte".

Isbister ainda diz que o motivo para a fobia pode se encontrar em raízes históricas, como a história do Tarantismo, doença surgida na cidade de Taranto (Itália) que teria ameaçado a Europa entre os séculos XV e XVII. Como explica Aline Gatto Boueri:

Origem do Medo Como um animal tão pequeno pode despertar um medo tão grande? Esse é um mistério ainda para muitos psicólogos. Porém, existem hipóteses satisfatórias. Existe o lado biológico, em que o medo das aranhas seria uma vantagem evolutiva para a sobrevivência e, consequentemente, a perpetuação da espécie.
Origem do Medo de aranhas

(Fonte do texto:wikipédia)





CURIOSIDADE ANIMAL

TARÂNTULA - MUSA INSPIRADORA DA TARANTELA

acusadas de causar esse mal cujos sintomas eram suor, tremor, insônia, dor, rigidez corporal e fraqueza.
Tarântula - musa inspiradora da tarantela
Aranhas da espécie Lycosa tarantula foram acusadas de causar esse mal cujos sintomas eram suor, tremor, insônia, dor, rigidez corporal e fraqueza. Curiosamente, acreditava-se que, para curar-se, o doente deveria dançar freneticamente durante quatro dias. Enquanto em alguns lugares a doença acabou associada à loucura por conta disso, em outros se tornou um pretexto para orgias ou festivais de dança, o que deu origem à famosa tarantela
Enquanto em alguns lugares a doença acabou associada à loucura por conta disso, em outros se tornou um pretexto para orgias ou festivais de dança, o que deu origem à famosa tarantela
Dança italiana tarantela

(Fonte:wikipedia)

RARÍSSIMO - GAFANHOTO COR-DE-ROSA

GAFANHOTO COR-DE-ROSA - Raros e lindos,  apenas 1 em 500 nascem dessa cor


O primeiro gafanhoto cor-de-rosa foi encontrado na natureza em 1887.
Gafanhotos cor-de-rosa - apenas 1 em 500 nascem dessa cor
O primeiro gafanhoto cor-de-rosa foi encontrado na natureza em 1887.
Desde então, especialistas e estudiosos relacionavam a cor inusitada a uma anomalia genética denominada "erythrism", bastante similar ao albinismo. De acordo com relatórios e pesquisas, em um grupo de 500 gafanhotos, apenas um teria chances de nascer cor-de-rosa.

De acordo com relatórios e pesquisas, em um grupo de 500 gafanhotos, apenas um teria chances de nascer cor-de-rosa.
Gafanhoto cor-de-rosa
Porém, pesquisadores do Audubon Nature Institute, localizado em Nova Orleans, nos Estados Unidos, descobriram que a coloração está exclusivamente ligada à evolução da espécie.

pesquisadores do Audubon Nature Institute, localizado em Nova Orleans, nos Estados Unidos, descobriram que a coloração está exclusivamente ligada à evolução da espécie.
Gafanhoto cor-de-rosa - Raro porque se destaca em meio a vegetação
Em um artigo publicado na Scientific American, responsáveis pela pesquisa afirmaram que, em um mundo sem predadores, os gafanhotos não seriam apenas cor-de-rosa, mas também laranja, amarelo ou qualquer outra cor vibrante.

Em um artigo publicado na Scientific American, responsáveis pela pesquisa afirmaram que, em um mundo sem predadores, os gafanhotos não seriam apenas cor-de-rosa, mas também laranja, amarelo ou qualquer outra cor vibrante.
Enquanto o número de gafanhotos coloridos foram diminuindo, os verdes foram aumentando
"É muito mais difícil um gafanhoto verde ser encontrado por um predador. Assim, o número de gafanhotos verdes aumentou ao longo dos anos, enquanto o grupo colorido foi diminuindo", explica o relatório.


Em um mundo sem predadores, os gafanhotos seriam ser cor de laranja, amarelo ou qualquer outra cor vibrante
Em um mundo sem predadores, os gafanhotos seriam ser cor de laranja, amarelo ou qualquer outra cor vibrante


"É muito mais difícil um gafanhoto verde ser encontrado por um predador.
Gafanhoto cor-de-rosa - presa fácil para seus predadores

De acordo com relatórios e pesquisas, em um grupo de 500 gafanhotos, apenas um teria chances de nascer cor-de-rosa.
Gafanhoto cor-de-rosa - raro e lindo 

VEJA TAMBÉM:
Raríssimo Gafanhoto do Olho cor-de rosa





(Fonte:http://revistagloborural.globo.com)


Vida Selvagem e Urbana : Classificação dos mamíferos

Vida Selvagem e Urbana : Classificação dos mamíferos

Raríssimo Gafanhoto do Olho cor-de rosa

Foram encontradas 200 novas espécies de animais e plantas, incluindo aranhas, sapos, insetos e mamíferos na floresta montanhosa de Papua Nova Guiné, país da Oceania Entre elas uma espetacular espécie de gafanhoto de olhos cor-de-rosa, que se alimenta de flores das altas árvores da floresta.
Raríssimo gafanhoto do olho cor-de rosa - Encontrado na floresta montanhosa de Papua Nova Guiné, país da Oceania, em 2009
Foram encontradas 200 novas espécies de animais e plantas, incluindo aranhas, sapos, insetos e mamíferos na floresta montanhosa de Papua Nova Guiné, país da Oceania
Entre elas uma espetacular espécie de gafanhoto de olhos cor-de-rosa, que se alimenta de flores das altas árvores da floresta.
Ao todo, foram descobertos mais de 20 gafanhotos nessa pesquisa na floresta montanhosa de Papua Nova Guiné, país da Oceania, cientistas da ONG Conservação Internacional

As coletas feitas em 2009 nas Montanhas Nakanai, na ilha da Nova Bretanha,  podem dar um impulso para que a região venha a se tornar patrimônio da humanidade.

VEJA TAMBÉM:
RARÍSSIMO - GAFANHOTO COR-DE-ROSA