quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

CARANGUEJO-DOS-COQUEIROS - O MAIOR DO MUNDO

CARANGUEJO-DOS-COQUEIROS - O MAIOR DO MUNDO

Assustadores para quem se depara com eles, esse são os maiores caranguejos terrestres do mundo!

Chegando a medir 1 metro de envergadura, os caranguejos-do-coqueiro são tidos como os gigantes do coqueiro. 


Assustadores para quem se depara com eles, esse são os maiores caranguejos terrestres do mundo!  Chegando a medir 1 metro de envergadura, os caranguejos-do-coqueiro são tidos como os gigantes do coqueiro.
O gigante dos coqueiros

Seu tamanho máximo, no entanto, é alcançado apenas com a idade entre 40 e 60 anos —  Há relatos de alguns exemplares que já foram registrados com mais de cem anos de idade.

Caranguejos-do-coqueiro - conhecido também como ladrão-de-cocos

Esses, diferente dos caranguejos comuns, não vivem na água, são crustáceos que vivem e se alimentam em terra firme, indo ao mar basicamente para depositar seus ovos.  Os filhotes, inclusive, podem até se afogar se permanecerem na água por muio tempo.

Homem exibindo caranguejo gigante em suas mãos
Além de não nadarem, os filhotes têm um corpo mole, por isso,  utilizam conchas de outros animais para se protegerem.
Quando adolescentes, o seu corpo endurece e a concha eventualmente acaba por rachar devido à falta de espaço. Mais adiante, outra concha se calcifica no lugar da antiga.

Alimentam-se principalmente de matéria vegetal, e frutas, incluindo cocos, mas também se alimentam de carniça. Por terem os cocos como prato preferido,também são conhecidos pelo nome de caranguejo-ladrão-de-coco.


Eles escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa.
Há relatos de que já foram vistos se alimentando de outros caranguejos mortos, de pequenas galinhas e até de gatos.

Caranguejo-dos-coqueiro, (Birgus latro)
Mas, mesmo esse tamanho todo não faz dele um caçador, mas sim, uma caça. Sua carne é apreciada na gastronomia e já foram muito caçados. Atualmente, são espécies protegidas por leis locais.

O caranguejo-dos-coqueiro, (Birgus latro), é um grande crustáceo terrestre, e uma espécie exclusiva de ilhas paradisíacas do Oceano Índico e Pacífico, incluindo a Austrália continental e Madagascar.

Os caranguejos-do-coqueiro moram em tocas subterrâneas, forradas com fibras da casca de coco. 
É o maior artrópode terrestre do mundo. Embora não tenha subespécies as cores variam entre azul, roxo, vermelho, preto, e cor-de-laranja.




Eles escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa. Há relatos de que já foram vistos se alimentando de outros caranguejos mortos, de pequenas galinhas e até de gatos.
Caranguejo-dos-coqueiro, (Birgus latro) comendo coco

Assustadores para quem se depara com eles, esse são os maiores caranguejos terrestres do mundo!  Chegando a medir 1 metro de envergadura, os caranguejos-do-coqueiro são tidos como os gigantes do coqueiro.
Caranguejo-dos-coqueiro, (Birgus latro) - o maior caranguejo terrestre do mundo

Eles escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa.
Caranguejo-do-coqueiro, (Birgus latro), escalando em busca do seu alimento preferido, o coco.



Eles escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa.
Caranguejo-do-coqueiro - Escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa.

Assustadores para quem se depara com eles, esse são os maiores caranguejos terrestres do mundo!  Chegando a medir 1 metro de envergadura, os caranguejos-do-coqueiro são tidos como os gigantes do coqueiro.

Eles escalam o coqueiro, apanham o coco e rasgam a casca em tiras usando suas pinças , em seguida, batem na fruta repetidamente até que ela se rompa.
Caranguejo-do-coqueiro, (Birgus latro), escalando em busca do seu alimento preferido, o coco.

Caranguejo-do-coqueiroÉ o maior artrópode terrestre do mundo. Embora não tenha subespécies as cores variam entre azul, roxo, vermelho, preto, e cor-de-laranja.
Caranguejo-do-coqueiro, (Birgus latro), escalando em busca do seu alimento preferido, o coco.
Os caranguejos-do-coqueiro moram em tocas subterrâneas, forradas com fibras da casca de coco. 
Assustadores para quem se depara com eles, esse são os maiores caranguejos terrestres do mundo!  Chegando a medir 1 metro de envergadura, os caranguejos-do-coqueiro são tidos como os gigantes do coqueiro.
Caranguejo-do-coqueiro -  Embora não tenha subespécies as cores variam entre azul, roxo, vermelho, preto, e cor-de-laranja.

(Fonte da pesuisa:wikipédia) 

FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA



FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
Flor simbolo do Estado do Rio Grande do Sul, o brinco-de-princesa ou fúcsia que é uma planta que faz um enorme sucesso internacional. 

Flor simbolo do Estado do Rio Grande do Sul, o brinco-de-princesa ou fúcsia que é uma planta que faz um enorme sucesso internacional.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA






Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas
diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. Os ramos são pendentes, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de modo que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.

       





No Brasil destaca-se a Fuchsia integrifólia.
Suas folhas são verdes, do tipo ovais, lanceoladas ou dentadas e algumas, como a Fuchsia triphylla, têm cor vermelho-púrpura no dorso.
As flores apresentam-se em inflorescências singelas e delicadas, pendentes, nas cores vermelhas e púrpuras, e laranja-escarlates que desabrocham de janeiro a abril. Há inúmeras variedades híbridas cultivadas como ornamentais que se diferenciam pela combinação de suas cores: rosa e branco; rosa e vermelho; e rosa e púrpura.

O brinco-de-princesa é uma espécie híbrida obtida a partir de espécies sul americanas, principalmente Fuchsia corymbiflora Ruiz. & Pav., Fuchsia fulgens Moc. & Ses. e Fuchsia magellanica Lam. Outros nomes populares: lágrima, agrado, fúcsia.

FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

O brinco-de-princesa é uma espécie híbrida obtida a partir de espécies sul americanas, principalmente Fuchsia corymbiflora Ruiz. & Pav., Fuchsia fulgens Moc. & Ses. e Fuchsia magellanica Lam.
Outros nomes populares: lágrima, agrado, fúcsia.









São plantas que podem ser cultivadas em grandes vasos para decorar áreas externas. Para que elas subam em estruturas, sendo cultivadas como trepadeiras, precisam ser devidamente acompanhadas e tutoradas. Elas podem crescer bem em ambiente com meia-sombra, inclusive dentro da casa. Na propagação, os rizomas(tipo de caule que cresce horizontalmente, geralmente subterrâneo, mas podendo também ter porções aéreas) não podem ser divididos quando estiverem na fase de dormência
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
São plantas que podem ser cultivadas em grandes vasos para decorar áreas externas. Para que elas subam em estruturas, sendo cultivadas como trepadeiras, precisam ser devidamente acompanhadas e tutoradas. Elas podem crescer bem em ambiente com meia-sombra, inclusive dentro da casa. Na propagação, os rizomas(tipo de caule que cresce horizontalmente, geralmente subterrâneo, mas podendo também ter porções aéreas) não podem ser divididos quando estiverem na fase de dormência

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA


Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA







Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA


Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

Possui muitas variedades, sendo que tanto pétalas, quanto sépalas podem ser de cores e de formas  diferentes. As cores mais comuns são vermelho, rosa, azul, violeta e branco, com diversas combinações, sem mesclas. A ramagem é pendente, mas pode haver variações, com plantas mais eretas e outras mais pendentes. O porte também varia entre as cultivares, de forma que há formas arbustivas e outras de porte herbáceo.
FLOR DO DIA - BRINCO-DE-PRINCESA

 (Fonte da informação:http://projetoriograndetche.weebly.com/flor-siacutembolo-do-rs-brinco-de-princesa.html)